Quer receber dicas de Negócios, Empreendedorismo e Marketing Digital.

Adicione seu email abaixo e receba gratuitamente informações sobre diversos temas para seu desenvolvimento pessoal.

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro conosco!

O que é matriz de Eisenhower? Como funciona?

O que é matriz de Eisenhower? Como funciona?

O que é matriz de Eisenhower?

Durante nossa jornada como profissional, empreendedor, empresário ou aspirante é muito comum que as tarefas sejam variadas. Ligar para clientes, atender fornecedores, melhorias no fluxo de trabalho, e-mails, e-mails e mais e-mails…

Como se organizar diante de tantas obrigações?

Existe um método simples para se organizar, a Matriz de Eisenhower.

Essa matriz recebe esse nome devido o seu criador: Dwight Eisenhower. o 34º Presidente dos Estados Unidos da América. Foi o presidente que aprovou a criação da NASA e criou a DARPA (Agência do governo que levou a criação da internet).

Nada disso seria possível se o ex-presidente não tivesse desenvolvido um sistema muito eficiente para organizar seu tempo e priorizar as tarefas do dia a dia.

Como funciona a Matriz Eisenhower?

O criador dessa metodologia tinha um principio que dizia: “O que é importante raramente é urgente, e o que é urgente raramente é importante”.

Se você pensar um pouco, para a maioria das tarefas essa frase tem lógica, mas como aplicar essa bendita matriz em nosso dia a dia?

A Estrutura


Leituras recomendadas


A Matriz Eisenhower é dividida em 4 quadrantes:

Importante e urgente

Faça imediatamente: São tarefas críticas e devem primeiramente serem feitas. Estas tarefas normalmente são priorizadas, pois seu impacto negativo pode ser muito maior que as outras.

Importante, mas não urgente

Decida quando será feito: Neste quadrante podemos considerar que nos proporcionam resultados de longo e médio prazo.

Costumam ser tarefas importantes, tarefas que nos permite planejar e executar de forma eficiente. É onde deveríamos passar a maior parte do tempo, obviamente após finalizar o quadrante anterior.

Urgente, mas não importante

Pode ser delegado: Neste quadrante você pode disponibilizar a tarefa para que outra pessoa possa tomar decisões nas conclusões das tarefas, como aprovar artigos, ligar para clientes para consultar entrega de pedido, e-mails irrelevantes. Tudo nesse quadrante pode ser delegado ou deixado para quando houver um tempo livre.

Este é o lugar onde não deveríamos passar a maior parte do tempo.

Não urgente e não importante

Poder ser feito mais tarde: Esse é o quadrante mais perigoso. Costumo dizer que é o quadrante do desperdício de tempo, muitas pessoas desperdiçam tempo além do necessário nesse quadrante.

Redes sociais, assistir programas que você já viu ou sair para resolver um problema e se perdeu nas lojas procurando “nada” nas vitrines. Essas são algumas tarefas que compõem este quadrante.

 Se uma tarefa entra nesse quadrante, analise se vale realmente a pena estar lá. Lembre-se, caso você consiga eliminar todas as tarefas desse quadrante, liberará tempo necessário para se concentrar no quadrante que você deveria estar (quadrante 2).

Você conhece ou já ouviu falar dessa forma de organização de tarefas? Aproveite para descobrir como aplicá-la ao seu dia a dia. Lembrando que é necessário trabalhar por um tempo com essa forma de organização dessa forma você terá certeza que a matriz de eisenhower funcionará com você.

Gostou do post? Se inscreva para receber novos posts e veja mais insights matadoras para o seu desenvolvimento.

Sobre o Autor

Geriel Castro
Geriel Castro

Geriel Castro Sócio Fundador da 7Giros Soluções – Consultor de Negócios, Empreendedor e Empresário atuando a mais de 10 anos no mercado de tecnologia, onde ja realizou vários projetos em diversas áreas como: Mídias sociais, Marketing digital, Desenvolvimento, aplicativos e sistemas para tomada de decisão.